COVID-19 Medidas e Informações

Subida da Temperatura

No âmbito da Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas foi identificada a necessidade de aprofundar o conhecimento relativo à subida de temperatura na cidade de Lisboa.

O Município de Lisboa apresentou uma candidatura ao Programa Operacional da Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR) – Eixo “Promover a adaptação às alterações climáticas e a prevenção e gestão de riscos”, tendo obtido cofinanciamento do FEDER/FC.

Este financiamento possibilitou o desenvolvimento do Projeto “Ondas de Calor em Lisboa”, que permitiu aprofundar o conhecimento dos efeitos das alterações climáticas, nos cenários projetadas para a cidade de Lisboa até ao final do século, considerando um aumento da temperatura média anual, em especial das temperaturas máximas, trabalho do qual resultou cartografia temática relativa ao fenómenos das Ondas de Calor (OC) e Ilha de Calor Urbano (ICU), bem como, a conceção de ferramentas de suporte ao planeamento urbano e à estratégia municipal de adaptação da Cidade (Figura 1).

Este estudo permitiu definir Climatopos e delinear algumas orientações que irão permitir à cidade e sua população ser mais resilientes em eventos de subida de temperatura.

Figura 1 - Identificação das Ilhas de Calor Urbano e Simulação para as Áreas Críticas na Cidade de Lisboa | Fase 1, IGOT , 2020