Projetos cofinanciados na área do Município

Código da Operação: Programa de Investigação e Inovação Horizonte 2020 da União Europeia, nos termos do acordo de subvenção nº 653260

Designação da Operação: RESILENS - Realising European ReSILiencE for Critical INfraStructure

Estado: Em curso.

As infraestruturas críticas geram funções e serviços essenciais que suportam os sistemas sociais, económicos e ambientais europeus. As crises e os desastres, naturais ou provocadas pelo homem, estão a tornar-se cada vez mais comuns: é por isso fundamental assegurar a resiliência das infraestruturas críticas, para que possam resistir, adaptar-se e recuperar de eventos adversos.

O objetivo do projeto RESILENS consiste na transposição da resiliência enquanto objeto de compreensão conceptual para a aplicação de medidas operacionais, que integrem boas práticas provenientes de processos de avaliação de vulnerabilidades e gestão do risco. Este projeto é coordenado pela Future Analytics Consulting (empresa irlandesa de planeamento, investigação e consultoria económica a PME’s) e o consórcio é constituído por 12 parceiros, incluindo universidades, municípios, operadores de infraestruturas críticas, PME’s e entidades de técnicas e de investigação de vários países europeus.

Site do projeto

Código da Operação: LISBOA-01-0526-FEDER-000064

Designação da Operação: Sistema de Gestão de Atendimento, Portal e Guichet Electrónico do Munícipe, Empresa e Entidades

Estado: Concluída

Descrição: Teve por objetivo disponibilizar a todos os agentes da CML com responsabilidades de atendimento ao público, um sistema que permita um melhor relacionamento com o Munícipe, cidadãos e empresas, através da adoção do conceito de “Balcão Único” com a possibilidade de gestão integrada de pedidos independentemente do local em que estes são feitos e tratados, e independentemente de terem sido feitos de forma presencial ou virtual. Com este objetivo pretendeu-se dotar o serviço de atendimento de melhorias na organização do próprio atendimento de meios para uma melhor gestão de filas e soluções para a utilização do cartão de cidadão. De forma integrada, existe ainda o objetivo de disponibilizar ao Munícipe e outros utilizadores da rede Internet, um “Balcão de Atendimento Virtual” que visa disponibilizar a quem deseje interagir com a Câmara Municipal de Lisboa, outros canais para além da vertente presencial, nomeadamente pelo atendimento virtual, correio eletrónico, SMS e telefónico.

Código da Operação: LISBOA-01-0526-FEDER-000061

Designação da Operação: Reengenharia URBANISMO & Gestão Documental

Estado: Concluída

Descrição: Pretendeu-se disponibilizar uma plataforma electrónica de gestão documental para suporte à desmaterialização na CML, e reengenharia sobre procedimentos na área do urbanismo, com implementação de processos desmaterializados. Gradualmente, com a integração dos diferentes SI, estimam-se benefícios para a organização e trabalhadores, assim como para os cidadãos e empresas.

Código da Operação: LISBOA-01-0526-FEDER-000060

Nome do Projecto: Plataforma de Interoperabilidade e Sistema Central de Referências comuns, de identificação & Autenticação

Estado: Concluída

Descrição: Consistiu em desenhar um sistema middleware que permitirá orquestrar a comunicação e reaproveitar desenvolvimentos e ainda permitir o mapeamento de identificadores de modo a possibilitar através de um sistema obter todos os dados de uma entidade em diferentes sistemas, ou possibilitar a rastreabilidade de processos. Pretendeu-se ainda facilitar a autenticação dos utilizadores nos diferentes sistemas, através de mecanismos de autenticação através do repositório central de utilizadores (LDAP) para aplicações intranet e na LDAP Web para utilizadores externos a quem foi dada a possibilidade de autenticação por cartão de cidadão.